Tudo a Custo Zero: 6 Bancos que não Cobram Comissões em Portugal

sábado, 6 de outubro de 2018

6 Bancos que não Cobram Comissões em Portugal


Ainda há bancos que não cobram nas operações do dia-a-dia, anulando as comissões de manutenção, dos cartões bancários e das transferências. Pode mudar: agora o seu banco antigo tem de ajudar na troca.



A subida das comissões bancárias não tem de afetar as suas finanças. Se acredita que está a pagar em excesso — o que, para muitos, deve ser qualquer valor diferente de zero , mude de banco. Desde o início de 2018, mudar de banco é mais fácil.

Como não pagar pelos serviços essenciais:

Não é preciso inventar para decidir o que é essencial para os consumidores bancários: está definido na legislação sobre serviços mínimos bancários, que foi atualizada em 2018. No mínimo, os clientes dos bancos precisam de:
  1. Abertura e manutenção da conta de depósito à ordem;
  2. Um cartão de débito;
  3. Movimentação da conta através de caixas automáticos, do serviço de banca eletrónica e dos balcões;
  4. Depósitos, levantamentos, pagamentos de bens e serviços e débitos diretos;
  5. Transferências intra e interbancárias.
Quanto está disposto a pagar por estes sete elementos? Se respondeu qualquer número superior a zero, então reveja o seu orçamento. Há bancos que isentam os seus clientes nos serviços indicados, desde que efetuados na União Europeia.

Quer ver-se livre de custos associados à manutenção da sua conta e anuidade da mesma? Conheça, então, os bancos sem comissões que existem em Portugal:

Note que ter uma conta no banco sem custos implica quase a totalidade dos serviços, sendo que existem alguns pelos quais terá de pagar, dependendo do banco do qual é cliente.

Arquivo do blogue