Tudo a Custo Zero: 10/17

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Estágios Remunerados no Reino Unido | Alojamento + Salário

Programa educativo de componente prática. Trata-se de uma experiência profissional em Inglaterra, com alojamento e remuneração.

A oportunidade de conhecer outro país, cultura, métodos de trabalho, e enriquecendo o currículo, viajando para o Reino Unido, com garantias e em segurança.

A remuneração deste programa é o salário mínimo no Reino Unido.

As tarefas a realizar dependerão do nível de inglês.
Vagas nas áreas do Turismo e Hotelaria: hotéis, restaurantes, turismo rural, bares, pubs. Duração de 4 meses a 1 ano (escolhido pelo participante).

Peça no seguinte link mais Informações, candidatando-se a este programa.





Veja também: 



Cartão WTF com 25€ de Saldo! Peça o Seu.

A WTF está a oferecer cartões com 25€ de saldo. Peça já o seu cartão WTF grátis!



A WTF celebrou o seu quarto aniversário recentemente em Setembro e para assinalar  a data, está a oferecer cartões com 25€ de saldo completamente grátis.

Já sabe que na WTF, a grande maioria das aplicações de redes sociais e chat podem ser usadas grátis, sem gastar megas do seu plafond, para além desta  vantagem, tem também descontos nas viagens na Uber.

Clica no seguinte link e peça grátis o seu cartão WTF com 25€ de saldo incluído.



domingo, 29 de outubro de 2017

Livros de Receitas do Semav Grátis!


O Semav está a oferecer 2 ebooks das suas receitas de culinária.
Para conseguir fazer download dos 2 ebooks basta carregar nos seguintes links:





Veja também mais livros grátis:

Amostra Grátis de Creme Regenerador Térmico



A Sano está a oferecer uma amostra de Creme Regenerador Térmico.

Pata tal, basta preencher os seus dados nos campos que lhe são disponibilizados, clicando no seguinte link.


Veja mais ofertas a decorrer neste momento momento:


sábado, 28 de outubro de 2017

Livro Grátis! "Controle os seus níveis de açúcar no sangue e o seu peso"


Inscreva-se no seguinte link para receber o livro "Controle os seus níveis de açúcar no sangue e o seu peso" gratuitamente em sua casa, sem qualquer custo de envio.



Veja também: 

Cálculo de Indemnização a que o Trabalhador Tem Direito em Caso de Rescisão Contratual.

A ACT - Autoridade para as Condições doTrabalho dispõe de um simulador de compensação que possibilita efetuar o cálculo da compensação no despedimento (indemnização) a que o trabalhador tem direito em caso de rescisão contratual.

É também é um serviço do Estado que visa a promoção da melhoria das condições de trabalho através do controlo do cumprimento da legislação laboral no setor privado e pela promoção da segurança e saúde no trabalho nos sectores público ou privado.
A ACT assumiu as atribuições da IGT - Inspecção Geral do trabalho e do ISHST - Instituto para a Segurança, Higiene e Saúde no trabalho e dispõe de serviços regionais e locais. Poderá ter acesso a todos os contactos da ACT clicando no seguinte link.

Poderá gostar de:
O simulador de compensação possibilita efetuar o cálculo da compensação no despedimento (indemnização) a que o trabalhador tem direito. Para utilizar este simulador terá de aceder ao site da ACT em Simulador de Compensação.

Revistas Grátis Pais & Filhos e Bebé d'Hoje


As revista Pais & Filhos e Bebé d'Hoje tem os melhores artigos,reportagens e entrevistas na área do desenvolvimento, comportamento e educação das crianças, desde a gravidez até à adolescência.

Registe-se no site "Zero Dez Clube 
Pais & Filhosno seguinte link e peça a sua revista preferida.





Veja também: 

Várias Vagas Call-Center para o Porto

A heading está a recrutar para o seu Cliente NOS, profissionais de Call Center. A função passa pela venda de produtos e serviços NOS em ambiente de Call Center.


REQUISITOS:

  • Habilitações académicas ao nível do 11º ano
  • Conhecimentos de informática na óptica do utilizador
  • Fluência verbal e capacidade de argumentação
  • Dinamismo e proactividade
  • Experiencia mínima de 1 ano em telemarketing

OFERECEM:

  • Remuneração fixa variável
  • Integração num projecto de continuidade
  • Perspectivas de evolução na carreira
Clica AQUI para se candidatar.

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Subscreva AQUI a nossa newsletter e receba todas as novidades por email.

Veja AQUI as últimas ofertas de emprego e formação.

:::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

sexta-feira, 27 de outubro de 2017

Folheto Jumbo: "5 dias Loucos"


Para além do folheto semanal o Jumbo de 27 
a 31 de Outubro apresenta cinco dias loucos de promoções.
Para ficar a par de todos os descontos e promoções consulte o folheto
 completo através do seguinte link.









quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Receba Gratuitamente a Revista Visão durante um Mês

Aproveite esta oportunidade única e experimente durante 1 mês a newsmagazine mais lida do país.Se decidir assinar a VISÃO digital, recebe ainda uns óculos de realidade virtual totalmente grátis.



Preencha o formulário e, durante 1 mês, experimente grátis a VISÃO digital.
Clica na imagem.

Mega Descontão Worten - Até 50% de Desconto Direto

Mega Descontão
Mega Descontão - Descontos Diretos até 50% este fim-de-semana
nas lojas Worten.
Clica no seguinte link para mais informações.



Veja também:

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Cartão que Reembolsa uma Parte dos Gastos nas Suas Compras!

O serviço no portal DECO+ permite aos consumidores receber o reembolso de uma parte do valor gasto (cashback) em 31 lojas online. Da lista de lojas aderentes fazem parte marcas como La Redoute, Vertbaudet, Spartoo, Tous, Viagens Abreu, Avis, Booking, Deichmann, Edreams, Europcar, Fnac, Hoteis.com, Hotelopia, Iberia, Iberostar, 
Logitravel.pt, Microsoft, Nike, Pepe Jeans, Pestana e The Fork.


Em 3 meses, os consumidores que usaram este serviço beneficiaram de reembolso num total de 705 euros. A maioria comprou em lojas da área de viagens, onde se incluem agências, transportadoras aéreas, hotéis e aluguer de carros. Seis mil utilizadores registaram-se no portal DECO+

Como funciona:

Se não for associado, registe-se em DECO PROTESTE para usufruir deste serviço. e receba um tablet de ofereta de boas vindas.
Depois de se associar ou caso já o seja, inicie a sua sessão em www.deco.proteste.pt, aceda a www.decomais.pt e entre nos sites das lojas aderentes.
Durante a compra não precisa dar qualquer informação sobre o facto de ser um associado ou solicitar o reembolso.
É um processo totalmente automático. Após a confirmação final da compra, pode resgatar o seu reembolso por transferência bancária ou PayPal. O cashback pode consistir numa quantia fixa ou em percentagem.
Na primeira vez que acede a esta plataforma é importante que preencha o campo do IBAN na área “Os meus dados”, para receber o reembolso. Para saber se este já foi emitido e consultar os movimentos das suas compras tem de aceder à área “Saldo”. Só quando o dinheiro estiver em “Saldo histórico” é que chegará à sua conta. Normalmente, decorre um mês entre a compra e a receção do reembolso.

Tem Móveis que Já Não Usa? Troque-os por um Cartão Presente IKEA

O IKEA lançou em Portugal um projeto quepretende dar uma ‘Segunda Vida’ aos móveis usados. A ideia passa por trocar os artigos que tem em sua casa e que já não usa da marca IKEA por outros novos, que pode adquirir através de um cartão presente.

Segunda Vida

O que é usado para si pode ser novo para outros e mais sustentável para todos. Troque os seus móveis IKEA de que não precisa por um Cartão Presente e dê-lhes uma nova vida, numa nova casa.
  • Descreva o produto e junte fotografias
  • Receba a proposta da IKEA por email
  • Entregue o artigo na loja e receba o valor proposto em Cartão Presente
  • Veja todos os artigos disponíveis na zona dasoportunidades
Para mais informações clica no seguinte link.



Veja também:


Desempregados ou com Rendimento Mínimo Vão Limpar Florestas

Secretário de Estado das Florestas quer «pelo menos mil» a trabalhar na floresta.Portugueses desempregados ou com rendimento mínimo vão juntar-se aos reclusos e militares na limpeza das florestas. A notícia foi avançada em entrevista ao «i» pelo secretário de Estado das Florestas, Rui Barreiro.

Depois de já ter anunciado em Setembro que o Governo ia pôr os reclusos e militares a limpar as florestas, o secretário de Estado das Florestas diz agora que os desempregados e beneficiários de inserção social também vão ser envolvidos nesta tarefa.

«O Ministério do Trabalho e da Solidariedade pode também envolver-se na colocação de desempregados e beneficiários do rendimento social de inserção», explicou, concluindo que «se conseguirmos dinamizar todas estas vontades ficamos com muito mais guerreiros».

Em relação ao número de envolvidos neste projecto, o secretário de Estado explica que «o objectivo é conseguirmos ter pelo menos mil desempregados e/ou titulares de rendimento social de inserção social a trabalhar na floresta».

Quanto às condições das pessoas que vão ajudar na limpeza das florestas, estas serão semelhantes nas diferentes áreas. «No caso dos presos, são objecto de uma bolsa que é igual em qualquer trabalho no regime aberto virado para o exterior. É à volta de 20 euros por dia, mais subsídio de almoço. Vão intervir em sete matas nacionais e teremos 50 ou no máximo 55 a trabalhar até ao final do programa. No caso dos desempregados e Exército, temos protocolos e queremos envolvê-los mais em actividades de prevenção», explica Rui Barreiro.

«Também não queremos esquecer o voluntariado jovem, em que queremos alargar o período de incidência do programa», relembra.

De acordo com o Secretário de estado, «apesar da crise em que nos encontramos, o objectivo é ter mais gente na defesa da floresta».



Veja também:



Fonte da notícia: www.tvi24.iol.pt

Como Ter Direito ao Subsídio Parcial de Desemprego?

Em certas situações é possível acumular rendimentos obtidos através de trabalhos com o recebimento do subsídio de desemprego. A este subsídio dá-se o nome de subsídio parcial de desemprego e o seu acesso está reservado a quem já seja beneficiário do subsídio de desemprego. Conheça aqui as principais condições de acesso.

Condições de acesso ao subsídio parcial de desemprego

  • Ser beneficiário do subsídio de desemprego e estar em situação de cumprimento para com todas as obrigações previstas
  • Ter contrato de trabalho a tempo parcial ou ser trabalhador independente (profissional livre ou empresário em nome individual)
  • O valor do subsídio de desemprego tem de ser superior ao rendimento de trabalho a tempo parcial ou ao rendimento relevante do trabalho independente (70% e 20% nos casos de profissionais livres e empresários em nome individual, respectivamente)
  • Requisitar o pedido nos serviços da Segurança Social até 90 dias depois de começar a trabalhar ou de requerer o subsídio de desemprego (isto no caso de ter começado o trabalho antes de ter começado o subsídio de desemprego)

Duração do subsídio parcial de desemprego

  • O subsídio parcial de desemprego tem o mesmo limite que aquele previsto no subsídio de desemprego
  • O subsídio parcial de desemprego é válido enquanto estiver a exercer o trabalho em tempo parcial ou o trabalho independente
  • Começa a receber o subsídio parcial de desemprego na data de inicio do trabalho (desde que as provas sejam apresentadas até após 90 dias do inicio da actividade) ou, caso a actividade seja anterior ao subsídio de desemprego, na data do requerimento do subsídio de desemprego

Obrigações do beneficiário

As obrigações do beneficiário de subsídio parcial de desemprego são idênticas às obrigações do beneficiário do subsídio de desemprego, apenas com duas excepções:
  • Deixa de ser necessária a apresentação quinzenal
  • Não é necessário procurar emprego activamente nem comprová-lo junto do Centro de Emprego
Mais informação no Guia Prático do Subsídio de Desemprego Parcial, disponível no seguinte link.



Programa Gratuito de Contabilidade e Gestão


Manter as contas em ordem é um desafio para muitos empreendedores que tendem a juntar papelada ou a criar complicadas folhas de Excel com todos os dados que pretendem compilar.

O problema é que, quando precisamos, o papel que julgávamos estar naquele monte nunca está, e falta sempre adicionar ao ficheiro uma despesa importante.

Se se identifica com este retrato, vale a pena investigar o Wave.
Este sistema de gestão de contas online permite fazer um upload directo dos extractos bancários da empresa, a partir dos quais só tem de classificar os diversos movimentos.
    Para além disto, o Wave permite fazer upload de recibos fotografados e digitalizados (para que não tenha de ter aquelas pastas de recibos a ocupar espaço) criar facturas personalizadas, gerir pagamentos e obter relatórios evolutivos do desempenho das suas contas.

    Clica no seguinte link para ter acesso ao programa.

    Veja também:

    Eletrodomésticos de Grandes Marcas a Metade do Preço!

    À primeira vista parece uma loja de eletrodomésticos perfeitamente normal, são eletrodomésticos com pequenos defeitos estéticos, são na maioria topo de gama que custam nas lojas 800, 600, 500 euros e que aqui estão à venda por menos 400, 300 ou 200 euros.
    Porquê? Porque em muitos casos a caixa de papelão está rasgada ou o esferovite partiu-se no transporte. Só por causa disso? Sim.
    Noutros casos, há centenas de euros de desconto porque tem um pequeno risco de lado ou uma amolgadela na parte de trás que encosta à parede. Todos são novos a estrear. E a garantia é exatamente igual às das lojas "normais" e grandes superfícies.
    Leia mais clicando no seguinte link.
    
    
    


    Apoio para Desempregados Sem Subsídio

    Os programas "Contrato Emprego-Inserção" e "Contrato Emprego-Inserção+" sofreram alterações e abrangem mais pessoas desempregadas.

    Para quem está desempregado e já esgotou o subsídio de desemprego, estes programas, promovidos pelo IEFP, prevêem a ocupação de pessoas desempregadas através do desempenho de trabalho socialmente necessário em troca de uma bolsa que pode chegar até aos 419, 22 euros.


    Até agora, estas duas medidas destinavam-se a desempregados que estavam a receber o subsídio de desemprego, o subsídio social de desemprego ou o rendimento social de inserção.

    No entanto, com a reformulação do diploma, estes programas passam a ter o seu universo de destinatários alargado e vão incluir também pessoas desempregadas que não estejam a receber subsídios. E não são poucas. Os dados oficiais mostram que existiam em novembro mais de 692 mil pessoas inscritas nos centros de emprego. No entanto, apenas 374 mil estavam a receber uma prestação de desemprego.

    Veja também: 

    O Governo pretende assim fazer face a situações de exclusão e risco social, que decorrem devido à crise económica que o País vive. O objetivo é facilitar o encaminhamento destas pessoas para o trabalho considerado socialmente necessário. Se é este o seu caso, saiba como poderá usufruir deste apoio.

    1. O que são os programas “Contrato Emprego-Inserção” e “Contrato Emprego-Inserção+”?

    O “contrato emprego-inserção” e o “contrato emprego-inserção +” são duas medidas de apoio a pessoas desempregadas que consistem na prestação de trabalho que seja socialmente necessário. Isto é: Trabalho que seja realizado por pessoas desempregadas inscritas no Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e que permita satisfazer necessidades sociais ou coletivas temporárias. Estas duas medidas têm uma duração máxima de 12 meses, com ou sem renovação do contrato.

    2. Qual é o objetivo destes apoios?

    A ideia destes programas é promover a empregabilidade de pessoas em situação de desemprego, promovendo as suas competências socioprofissionais, através do contínuo contacto com o mercado de trabalho. Para isso, é encorajado o contacto dos desempregados com outros trabalhadores e atividades, para que não existam riscos de isolamento, desmotivação e marginalização.

    3. A quem se destinam?

    - No caso do “contrato emprego-inserção” este programa destina-se a desempregados que recebam o subsídio de desemprego ou o subsídio social de desemprego.
    -Já os “contratos emprego-inserção +” destinam-se aos desempregados que sejam beneficiários do rendimento social de inserção. No entanto, a nova portaria vem alargar o leque de pessoas que podem ser abrangidas por este programa. Assim, também os desempregados que não recebam qualquer tipo de apoio social mas que estejam inscritos no IEFP há pelo menos 12 meses, que integrem uma família monoparental ou cujos parceiros ou cônjuges estejam também desempregados vão poder candidatar-se a este programa.
    -Nota ainda para o facto de terem como prioridade de candidaturas os casos de pessoas com deficiências e incapacidades, desempregados de longa duração ou com idade igual ou superior a 45 anos e ex-reclusos ou pessoas que cumpram pena em regime aberto voltado para o exterior.

    4. Quais os valores dos apoios?

    Os apoios financeiros dados às pessoas beneficiárias destes programas diferem consoante a medida em que estejam inseridos:
    - No caso dos “contratos emprego-inserção”, o desempregado já é beneficiário ou do subsídio de desemprego ou do subsídio social de desemprego e, como tal, irá receber uma bolsa mensal complementar correspondente 20% do indexante de apoios sociais (IAS). Isto é cerca de 82,44 euros.
    - Os desempregados que integrem a medida “contrato emprego-inserção +” têm direito a uma bolsa de ocupação mensal correspondente ao valor do indexante de apoios sociais (IAS), isto é 419,22 euros.
    - A ambas bolsas acresce ainda o valor do subsídio de refeição e o subsídio de transporte pago pela entidade promotora.




    5. Que entidades podem receber pessoas desempregadas ao  abrigo destes programas?

    - Até agora podiam receber pessoas ao abrigo destes apoios as entidades públicas ou privadas sem fins lucrativos (serviços públicos, autarquias locais, entidades de solidariedade social). No entanto, com a alteração do diploma que regulamenta os programas “contrato emprego-inserção” e “contrato emprego-inserção +”, também as entidades coletivas privadas do setor empresarial local que sejam totalmente participadas pelos municípios, pelas associações de municípios e pelas áreas metropolitanas podem candidatar-se estas medidas.
    - As candidaturas das empresas devem ser verdadeiramente fundamentadas, para que se comprove que as atividades a desenvolver sejam relevantes para a satisfação de necessidades sociais ou coletivas e que não visem a ocupação de postos de trabalho.
    - A seleção dos beneficiários é feita pelo IEFP, em conjunto com as entidades promotoras de projetos de trabalho socialmente necessários, entre os desempregados inscritos nos centros de emprego.

     6. Que apoios existem para as entidades promotoras que integrem os beneficiários destes programas?

    Também aqui os apoios diferem consoante a medida em questão:
    - No caso dos beneficiários ao abrigo do “contrato emprego-inserção”, a bolsa é paga pelas entidades promotoras. No entanto, quando estão em causa entidades privadas sem fins lucrativos a bolsa é comparticipada pelo IEFP em 50%.

    - Para as pessoas que se enquadrem no “contrato emprego-inserção +”, o pagamento das bolsas também fica a cargo das entidades promotoras e do IEFP, mas em diferentes termos. Por exemplo: no caso de se tratar de uma entidade privada sem fins lucrativos 10% da bolsa fica a seu cargo, e os restantes 90% são pagos pelo IEFP. Se estivermos perante o caso de uma entidade pública (ou de uma entidade privada que pertença ao setor empresarial local) 20% da bolsa fica a cargo da entidade promotora e o valor restante é suportado pelo IEFP.

    terça-feira, 24 de outubro de 2017

    Harvard Lança um Curso de Fotografia Online Grátis!

    Esta é a oportunidade para aprender a fotografar (e para conseguir um diploma da prestigiada Universidade norte-americana).

    Não é fácil conseguir um lugar em Harvard, mas agora parece que a Universidade quer tornar-se mais acessível e facilitar o acesso ao seu exigente ensino.

    A regra ainda não se aplica a todas as disciplinas, mas há um novo curso de fotografia online totalmente gratuito e que não requer nenhuma deslocação ao campus da faculdade.

    Composto por 13 módulos com a duração total de aproximadamente 15 horas, o recém-criado curso é da responsabilidade de uma plataforma de ensino online chamada ALISON, que promete ensinar os alunos a utilizarem as suas câmaras digitais, a aprofundar conhecimentos sobre todas as suas funcionalidades e a editar as imagens com o respetivo software.

    Se o curso for concluído com sucesso, isto é, se os alunos completarem todos os módulos com uma avaliação de 80% ou mais, a Universidade compromete-se a enviar o respectivo diploma.

    Saiba todos os detalhes, clicando no seguinte link.




    Veja também:

    CHRISTIAN DIOR | Várias Oportunidades de Emprego


    A Christian Dior, detentora das marcas Christian Dior Couture, LVMH Moet Hennesy e Louis Vuitton encontra-se a recrutar em vários países.



    As vagas incluem ofertas para as posições de marketing, recursos humanos, criação e design, finanças, entre outras.


    Estas ofertas destinam-se maioritariamente a países europeus, em que as lojas portuguesas se incluem.

    Candidaturas:

    Os tipos de ofertas divulgados pela Christian Dior envolvem o desempenho de funções na área de perfumaria & cosmética, moda e joalharia/relojoaria.

    Existem diferentes tipos de posições oferecidas consoante o departamento escolhido. Maioritariamente, as ofertas de emprego destinam-se à Europa, embora existam também para os restantes continentes.

    Veja também:




    Existem várias vagas de emprego para poder desempenhar as funções nesta empresa de elite da moda internacional. Deseja realizar a sua candidatura?

    Para saber mais informações ou realizar a sua candidatura clique no seguinte link.







    Subscreva AQUI a nossa newsletter e receba todas as novidades por email.

    Nao se esqueça de adicionar o nosso endereço tudoacustozero@gmail.com aos contactos para evitar que as nossas mensagens sejam tratadas como SPAM.
    Siga também a nossa página nas redes sociais:
     Facebook    Twitter

    Arquivo do blogue