Tudo a Custo Zero: 10/17

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Cartão WTF com 25€ de Saldo! Peça o Seu.

A WTF está a oferecer cartões com 25€ de saldo. Peça já o seu cartão WTF grátis!



A WTF celebrou o seu quarto aniversário recentemente em Setembro e para assinalar  a data, está a oferecer cartões com 25€ de saldo completamente grátis.

Já sabe que na WTF, a grande maioria das aplicações de redes sociais e chat podem ser usadas grátis, sem gastar megas do seu plafond, para além desta  vantagem, tem também descontos nas viagens na Uber.

Clica no seguinte link e peça grátis o seu cartão WTF com 25€ de saldo incluído.



quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Receba Gratuitamente a Revista Visão durante um Mês

Aproveite esta oportunidade única e experimente durante 1 mês a newsmagazine mais lida do país.Se decidir assinar a VISÃO digital, recebe ainda uns óculos de realidade virtual totalmente grátis.



Preencha o formulário e, durante 1 mês, experimente grátis a VISÃO digital.
Clica na imagem.

quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Cartão que Reembolsa uma Parte dos Gastos nas Suas Compras!

O serviço no portal DECO+ permite aos consumidores receber o reembolso de uma parte do valor gasto (cashback) em 31 lojas online. Da lista de lojas aderentes fazem parte marcas como La Redoute, Vertbaudet, Spartoo, Tous, Viagens Abreu, Avis, Booking, Deichmann, Edreams, Europcar, Fnac, Hoteis.com, Hotelopia, Iberia, Iberostar, 
Logitravel.pt, Microsoft, Nike, Pepe Jeans, Pestana e The Fork.


Em 3 meses, os consumidores que usaram este serviço beneficiaram de reembolso num total de 705 euros. A maioria comprou em lojas da área de viagens, onde se incluem agências, transportadoras aéreas, hotéis e aluguer de carros. Seis mil utilizadores registaram-se no portal DECO+

Como funciona:

Se não for associado, registe-se em DECO PROTESTE para usufruir deste serviço. e receba um tablet de ofereta de boas vindas.
Depois de se associar ou caso já o seja, inicie a sua sessão em www.deco.proteste.pt, aceda a www.decomais.pt e entre nos sites das lojas aderentes.
Durante a compra não precisa dar qualquer informação sobre o facto de ser um associado ou solicitar o reembolso.
É um processo totalmente automático. Após a confirmação final da compra, pode resgatar o seu reembolso por transferência bancária ou PayPal. O cashback pode consistir numa quantia fixa ou em percentagem.
Na primeira vez que acede a esta plataforma é importante que preencha o campo do IBAN na área “Os meus dados”, para receber o reembolso. Para saber se este já foi emitido e consultar os movimentos das suas compras tem de aceder à área “Saldo”. Só quando o dinheiro estiver em “Saldo histórico” é que chegará à sua conta. Normalmente, decorre um mês entre a compra e a receção do reembolso.

Tem Móveis que Já Não Usa? Troque-os por um Cartão Presente IKEA

O IKEA lançou em Portugal um projeto quepretende dar uma ‘Segunda Vida’ aos móveis usados. A ideia passa por trocar os artigos que tem em sua casa e que já não usa da marca IKEA por outros novos, que pode adquirir através de um cartão presente.

Segunda Vida

O que é usado para si pode ser novo para outros e mais sustentável para todos. Troque os seus móveis IKEA de que não precisa por um Cartão Presente e dê-lhes uma nova vida, numa nova casa.
  • Descreva o produto e junte fotografias
  • Receba a proposta da IKEA por email
  • Entregue o artigo na loja e receba o valor proposto em Cartão Presente
  • Veja todos os artigos disponíveis na zona dasoportunidades
Para mais informações clica no seguinte link.



Veja também:


Desempregados ou com Rendimento Mínimo Vão Limpar Florestas

Secretário de Estado das Florestas quer «pelo menos mil» a trabalhar na floresta.Portugueses desempregados ou com rendimento mínimo vão juntar-se aos reclusos e militares na limpeza das florestas. A notícia foi avançada em entrevista ao «i» pelo secretário de Estado das Florestas, Rui Barreiro.

Depois de já ter anunciado em Setembro que o Governo ia pôr os reclusos e militares a limpar as florestas, o secretário de Estado das Florestas diz agora que os desempregados e beneficiários de inserção social também vão ser envolvidos nesta tarefa.

«O Ministério do Trabalho e da Solidariedade pode também envolver-se na colocação de desempregados e beneficiários do rendimento social de inserção», explicou, concluindo que «se conseguirmos dinamizar todas estas vontades ficamos com muito mais guerreiros».

Em relação ao número de envolvidos neste projecto, o secretário de Estado explica que «o objectivo é conseguirmos ter pelo menos mil desempregados e/ou titulares de rendimento social de inserção social a trabalhar na floresta».

Quanto às condições das pessoas que vão ajudar na limpeza das florestas, estas serão semelhantes nas diferentes áreas. «No caso dos presos, são objecto de uma bolsa que é igual em qualquer trabalho no regime aberto virado para o exterior. É à volta de 20 euros por dia, mais subsídio de almoço. Vão intervir em sete matas nacionais e teremos 50 ou no máximo 55 a trabalhar até ao final do programa. No caso dos desempregados e Exército, temos protocolos e queremos envolvê-los mais em actividades de prevenção», explica Rui Barreiro.

«Também não queremos esquecer o voluntariado jovem, em que queremos alargar o período de incidência do programa», relembra.

De acordo com o Secretário de estado, «apesar da crise em que nos encontramos, o objectivo é ter mais gente na defesa da floresta».



Veja também:


Fonte da notícia: www.tvi24.iol.pt

Como Ter Direito ao Subsídio Parcial de Desemprego?

Em certas situações é possível acumular rendimentos obtidos através de trabalhos com o recebimento do subsídio de desemprego. A este subsídio dá-se o nome de subsídio parcial de desemprego e o seu acesso está reservado a quem já seja beneficiário do subsídio de desemprego. Conheça aqui as principais condições de acesso.

Condições de acesso ao subsídio parcial de desemprego

  • Ser beneficiário do subsídio de desemprego e estar em situação de cumprimento para com todas as obrigações previstas
  • Ter contrato de trabalho a tempo parcial ou ser trabalhador independente (profissional livre ou empresário em nome individual)
  • O valor do subsídio de desemprego tem de ser superior ao rendimento de trabalho a tempo parcial ou ao rendimento relevante do trabalho independente (70% e 20% nos casos de profissionais livres e empresários em nome individual, respectivamente)
  • Requisitar o pedido nos serviços da Segurança Social até 90 dias depois de começar a trabalhar ou de requerer o subsídio de desemprego (isto no caso de ter começado o trabalho antes de ter começado o subsídio de desemprego)

Duração do subsídio parcial de desemprego

  • O subsídio parcial de desemprego tem o mesmo limite que aquele previsto no subsídio de desemprego
  • O subsídio parcial de desemprego é válido enquanto estiver a exercer o trabalho em tempo parcial ou o trabalho independente
  • Começa a receber o subsídio parcial de desemprego na data de inicio do trabalho (desde que as provas sejam apresentadas até após 90 dias do inicio da actividade) ou, caso a actividade seja anterior ao subsídio de desemprego, na data do requerimento do subsídio de desemprego

Obrigações do beneficiário

As obrigações do beneficiário de subsídio parcial de desemprego são idênticas às obrigações do beneficiário do subsídio de desemprego, apenas com duas excepções:
  • Deixa de ser necessária a apresentação quinzenal
  • Não é necessário procurar emprego activamente nem comprová-lo junto do Centro de Emprego
Mais informação no Guia Prático do Subsídio de Desemprego Parcial, disponível no seguinte link.



Programa Gratuito de Contabilidade e Gestão


Manter as contas em ordem é um desafio para muitos empreendedores que tendem a juntar papelada ou a criar complicadas folhas de Excel com todos os dados que pretendem compilar.

O problema é que, quando precisamos, o papel que julgávamos estar naquele monte nunca está, e falta sempre adicionar ao ficheiro uma despesa importante.

Se se identifica com este retrato, vale a pena investigar o Wave.
Este sistema de gestão de contas online permite fazer um upload directo dos extractos bancários da empresa, a partir dos quais só tem de classificar os diversos movimentos.
    Para além disto, o Wave permite fazer upload de recibos fotografados e digitalizados (para que não tenha de ter aquelas pastas de recibos a ocupar espaço) criar facturas personalizadas, gerir pagamentos e obter relatórios evolutivos do desempenho das suas contas.

    Clica no seguinte link para ter acesso ao programa.

    Veja também:

    Apoio para Desempregados Sem Subsídio

    Os programas "Contrato Emprego-Inserção" e "Contrato Emprego-Inserção+" sofreram alterações e abrangem mais pessoas desempregadas.

    Para quem está desempregado e já esgotou o subsídio de desemprego, estes programas, promovidos pelo IEFP, prevêem a ocupação de pessoas desempregadas através do desempenho de trabalho socialmente necessário em troca de uma bolsa que pode chegar até aos 419, 22 euros.


    Até agora, os desempregados que esgotarem o subsídio social de desemprego só podem aceder à medida extraordinária de apoio aos desempregados de longa duração ao fim de um ano, mas em 2018 poderão passar a fazê-lo ao fim de 180 dias, ou seja, meio ano antes.

    Veja também: 

    O Governo pretende assim fazer face a situações de exclusão e risco social, que decorrem devido à crise económica que o País vive. O objetivo é facilitar o encaminhamento destas pessoas para o trabalho considerado socialmente necessário. Se é este o seu caso, saiba como poderá usufruir deste apoio.

    1. O que são os programas “Contrato Emprego-Inserção” e “Contrato Emprego-Inserção+”?

    O “contrato emprego-inserção” e o “contrato emprego-inserção +” são duas medidas de apoio a pessoas desempregadas que consistem na prestação de trabalho que seja socialmente necessário. Isto é: Trabalho que seja realizado por pessoas desempregadas inscritas no Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) e que permita satisfazer necessidades sociais ou coletivas temporárias. Estas duas medidas têm uma duração máxima de 12 meses, com ou sem renovação do contrato.

    2. Qual é o objetivo destes apoios?

    A ideia destes programas é promover a empregabilidade de pessoas em situação de desemprego, promovendo as suas competências socioprofissionais, através do contínuo contacto com o mercado de trabalho. Para isso, é encorajado o contacto dos desempregados com outros trabalhadores e atividades, para que não existam riscos de isolamento, desmotivação e marginalização.

    3. A quem se destinam?

    - No caso do “contrato emprego-inserção” este programa destina-se a desempregados que recebam o subsídio de desemprego ou o subsídio social de desemprego.
    -Já os “contratos emprego-inserção +” destinam-se aos desempregados que sejam beneficiários do rendimento social de inserção. Também os desempregados que não recebam qualquer tipo de apoio social mas que estejam inscritos no IEFP há pelo menos 12 meses, que integrem uma família monoparental ou cujos parceiros ou cônjuges estejam também desempregados vão poder candidatar-se a este programa.
    -Nota ainda para o facto de terem como prioridade de candidaturas os casos de pessoas com deficiências e incapacidades, desempregados de longa duração ou com idade igual ou superior a 45 anos e ex-reclusos ou pessoas que cumpram pena em regime aberto voltado para o exterior.

    
    
    

    terça-feira, 24 de outubro de 2017

    CHRISTIAN DIOR | Várias Oportunidades de Emprego


    A Christian Dior, detentora das marcas Christian Dior Couture, LVMH Moet Hennesy e Louis Vuitton encontra-se a recrutar em vários países.



    As vagas incluem ofertas para as posições de marketing, recursos humanos, criação e design, finanças, entre outras.


    Estas ofertas destinam-se maioritariamente a países europeus, em que as lojas portuguesas se incluem.

    Candidaturas:

    Os tipos de ofertas divulgados pela Christian Dior envolvem o desempenho de funções na área de perfumaria & cosmética, moda e joalharia/relojoaria.

    Existem diferentes tipos de posições oferecidas consoante o departamento escolhido. Maioritariamente, as ofertas de emprego destinam-se à Europa, embora existam também para os restantes continentes.

    Veja também:




    Existem várias vagas de emprego para poder desempenhar as funções nesta empresa de elite da moda internacional. Deseja realizar a sua candidatura?

    Para saber mais informações ou realizar a sua candidatura clique no seguinte link.







    domingo, 22 de outubro de 2017

    Reembolso Vinho Grão Vasco


    Até 31 de Outubro de 2017 usufrua desta campanha que visa reembolsar aos seus consumidores o valor da compra de uma garrafa qualquer de uma das 2 variedades do vinho Grão Vasco.

    Inquerito Marcas 2017: Ganhe Vales de Supermercado!

    Junte-se à Comunidade Online que ganha muito dinheiro dando opinião sobre produtos e serviços.
    Vouchers ou valor equivalente são as remunerações normalmente sorteadas.


    Funciona da seguinte forma: responda a um inquérito e faça a sua inscrição.
    Após a inscrição pode receber via E-mail várias oportunidades.

    A oferta/valor pela sua participação é mencionada no email e pode decidir se lhe interessa ou não.


    Os inquéritos dão a hipótese de recomendar amigos e ganhar muito mais com isso.

    Clica AQUI para participar.

    Oferta: kit de Redução de Colesterol Becel + Vales de Desconto

    Muitas pessoas reduziram o seu colesterol usando Becel pro.activ clinicamente comprovado.

    Peça no seguinte link o kit de redução de colesterol e tenha acesso a informação sobre o colesterol, dicas para uma vida mais saudável, receitas saudáveis e ainda vales de desconto em produtos Becel.
    Oferta limitada ao stock existente.



    Veja também: 

    Passatempo Palmolive: Ganhe 1 Viagem de Sonho à Tailândia!

    Participe neste fantástico passatempo Palmolive até ao dia 20 de Novembro de 2017 e habilite-se a ganhar 1 viagem de sonho à Tailândia!


    Clica no seguinte link para participar e boa sorte!



    Veja também: 


      Grupo Hoteleiro Internacional | Centenas de Vagas por Preencher

      O grupo hoteleiro Accor que integra a lista das melhores empresas para trabalhar no mundo em 2014 está à procura de mais de 1800 colaboradores em várias partes do globo. Dessas vagas, cerca de mil são na Europa.

      As vagas respeitam diversas áreas, entre as quais:

      • Administração;
      • Cozinha;
      • Housekeeping;
      • Marketing e Comunicação;
      • Manutenção;
      • Segurança;
      • Recursos Humanos;
      • Finanças;
      • Tecnologias da Informação;
      • Receção;
      • Vendas.


      Veja também:

      Fora da Europa, a Accor tem vagas de emprego para a Indonésia, Emirados Árabes Unidos, Nova Zelândia ou EUA. Só para o Brasil, por exemplo, o grupo procura mais de 100 colaboradores para exercerem funções nos seus hóteis.

      Conheça no seguinte link estas e outras oportunidades de emprego do grupo Accor.




      Ganhe uma TV Box com o Poupa e Ganha e a TomTop

      Passatempo - TV Box - Tomtop


      Habilite-se a ganhar uma fantástica TV Box Docooler V11 num passatempo lançado pelo Poupa e Ganha em parceria com a TomTop até 28 de Outubro de 2017.

      Clica no seguinte link para participar e boa sorte!


      Veja também: 

      sábado, 21 de outubro de 2017

      Novo Catálogo IKEA 2018

      Mais espaço para a vida, mais espaço para as novidades: enquanto o novo Catálogo IKEA não chega às suas mãos, descubra a sua versão digital, com uma seleção de novos produtos, preços ainda mais baixos e muitas ideias para a sua casa.

      Chegou o novo Catálogo IKEA 2018 e está repleto de histórias fantásticas por detrás dos seus produtos, bem como de novas ideias que o irão fazer apaixonar-se ainda mais pelas suas manhãs e as suas noites.
      Veja no seguinte link novo Catálogo IKEA 2018.



      Veja também: IKEA: Oferta de Kit para Fixação Cómodas para Proteger as Crianças 

      ONU: Dezenas de Vagas de Emprego e Estágios

      A ONU tem em aberto dezenas de vagas de emprego e estágios nas mais diversas áreas.



      O Secretariado das Nações Unidas procura pessoas competentes e motivadas, com uma forte convicção nos seus objectivos e mandato e que estejam dispostos a dedicar-se a uma carreira internacional gratificante em diferentes partes do mundo.

      Veja também: 
      A organização aceita candidaturas de nacionais de todos os Estados-membros e encoraja vivamente as mulheres a concorrer.

      Candidatos que sejam portadores de deficiência serão considerados para empregos em todos os tipos de contracto, em total cumprimento da Carta das Nações Unidas.

      Clica no seguinte link para mais informações.





      ::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

      Subscreva AQUI a nossa newsletter e receba todas as novidades por email.

      Veja AQUI as últimas ofertas de emprego e formação.

      ::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

      Curso de Decoração | Bolsa de Emprego + Inscrição Gratuita

      Os setores da decoração e do home staging encontram-se no auge e contam com múltiplas saídas profissionais.


      Torne-se um Profissional da decoração e trabalhe como decorador de interiores e exteriores, decorador de eventos, visual merchandiser, personal shopper de decoração e home stager.

      Desde decorador de interiores e exteriores, a decorador de eventos, visual merchandiser, personal shopper de decoração e home stager, todas elas profissões muito requisitadas atualmente. Por isso, existe uma grande procura por profissionais destas áreas.

      Agora poderá converter o seu hobby numa profissão de futuro, tão criativa como estimulante.

      Um imóvel é o reflexo de quem o habita, dos seus gostos, do seu estilo e da sua personalidade. Um bom decorador ajuda a que tudo isto seja refletido, criando espaços acolhedores, positivos, especiais e emocionais, respondendo às tendências atuais com soluções criativas. É por isso que a figura do decorador é tão importante nas vidas de todos nós.

      Com o Curso de Decoração de Interiores e Home Staging irá descobrir tudo o que necessita para se converter num decorador, podendo dedicar a sua vida a esta profissão tão gratificante.


      Este Curso irá ainda abrir-lhe as portas como visual merchandiser, personal shopper de decoração e home stager, já que inclui módulos completos que versam sobre estas matérias.

      Aproveite já esta excelente oportunidade para conseguir a formação de que necessita, num centro com mais de 20 anos de experiência em formação a distância da Escola Internacional de Estilismo e Moda.

      Clica AQUI para mais informações.


      Veja mais ofertas de formação:

      quarta-feira, 18 de outubro de 2017

      Saiba Tudo Sobre o Subsídio de Desemprego para Empresários

      Subsídio de desemprego para empresários: Medida pode chegar a 250 mil pessoas. Protecção no desemprego exige dois anos de descontos.



      Os empresários, gerentes e administradores passam a ter direito a subsídio de desemprego. Para ter direito já à nova prestação, estes trabalhadores tiveram de começar a descontar pela taxa mais elevada desde o início de 2013, uma vez que o subsidio exige dois anos de descontos. 

      De acordo com o Instituto da Segurança Social, desde essa altura, 150.885 pessoas com funções de gerência ou administração estão a pagar contribuições à Segurança Social, pela aplicação da taxa contributiva de 34,75%,"representando este grupo 61% do universo total dos beneficiários que se encontram abrangidos pelo regime" (cerca de 250 mil). Ou seja, estes 151 mil gerentes e administradores podem ter já acesso ao subsidio em caso de desemprego.
      ::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

      Subscreva AQUI a nossa newsletter e receba todas as novidades por email.

      Veja AQUI as últimas ofertas de emprego e formação.

      :::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

      1
      Quem está abrangido pelo novo apoio? 
      Membros de órgãos estatutários com funções de gerência ou administração e trabalhadores independentes com actividade empresarial. Neste último caso são considerados os empresários em nome individual com rendimentos de actividade comercial ou industrial, titulares de estabelecimentos individuais de responsabilidade limitada e os cônjuges que também exerçam actividade. Estão excluídos produtores agrícolas. O diploma não abrange outros trabalhadores independentes: já existe uma protecção específica, com condições idênticas, para trabalhadores a recibos verdes que recebem 80% ou mais dos seus rendimentos de uma empresa.



      2
      Quais as condições para aceder à prestação?
      Em causa tem de estar o encerramento da empresa ou a cessação involuntária da actividade profissional e o trabalhador tem de apresentar comprovativos. Deve ainda existir perda de rendimentos que determine o fim da actividade. A acrescentar a isto, a situação contributiva (do beneficiário e da empresa) deve estar regularizada e o trabalhador tem de inscrever-se no centro de emprego. Por fim, é preciso cumprir o prazo de garantia: a prestação exige 720 dias (dois anos) de descontos nos quatro anos anteriores ao desemprego. Quer isto dizer que, para aceder a protecção no desemprego, estas pessoas terão de descontar por mais tempo que os trabalhadores por conta de outrem (cujo prazo ronda um ano).

      Veja também:
      3
      Quando começaram estas pessoas a descontar para o novo subsídio?
      Em Janeiro de 2013 entrou em vigor uma alteração ao código contributivo que aumentou o desconto destes grupos para 34,75%. No caso de gerentes e administradores, a responsabilidade é partilhada entre empresa (23,75%) e trabalhador (11%), nos mesmos moldes aplicáveis à generalidade dos trabalhadores dependentes. Quem começou a descontar pela nova taxa no início de 2013 pode ter acesso ao subsídio em Janeiro de 2015, uma vez que já conta dois anos de descontos. O diploma que cria a nova prestação- o "subsídio por cessação da actividade profissional"- também entrou em vigor em Fevereiro de 2013.

      4
      Quando se considera que o encerramento da empresa é involuntário?
      O decreto identifica as situações em que o encerramento da empresa ou o fim de actividade é considerado involuntário. Isto acontece quando há "redução significativa do volume de negócios que determine o encerramento da empresa ou a cessação da actividade" para efeitos de IVA: deve estar em causa uma redução de facturação superior a 60% no ano e nos dois anos anteriores e a apresentação de resultados negativos contabilísticos e fiscais no ano e no ano anterior. São ainda consideradas situações em que há sentença de declaração de insolvência que não resulte de actuação dolosa; "ocorrências de motivos económicos, técnicos, produtivos e organizativos" que inviabilizam a actividade; "motivos de força maior" que determinem o encerramento do estabelecimento ao público e certos casos de perda de licença administrativa.

      5
      Qual o valor do apoio?
      O subsídio é igual a 65% da remuneração de referência. E esta corresponde à média salarial dos primeiros 12 meses dos últimos 14. O valor mínimo do subsídio é de 419,22 euros, a não ser que a remuneração de referência líquida seja inferior. Já o máximo é de 1.048,05 euros ou 75% do valor líquido da remuneração de referência. É de esperar que também aqui haja um corte de 10% ao fim de seis meses de subsídio. O trabalhador também pode ter direito a subsídio parcial, em casos concretos de trabalho a tempo parcial.

      6
      Qual a duração?
      O trabalhador deve pedir o subsídio em 90 dias (em caso de atraso, são descontados nos dias de atribuição). Depois, é aplicável o regime de duração que já abrange trabalhadores por conta de outrem (ver tabela). Os empresários não contam com as excepções que ainda vigoram no regime geral e que poderiam alargar a duração.
      7
      É possível aceder à reforma antecipada?
      Estas pessoas não podem aceder à pensão antecipada por desemprego, regime com normas menos penalizadoras. Também não acede ao subsídio quem já tiver idade para passar à reforma.




      Fonte: economico.

      Arquivo do blogue

      Subscreva AQUI a nossa newsletter e receba todas as novidades e ofertas por email.

      Nao se esqueça de adicionar o nosso endereço tudoacustozero@gmail.com aos contactos para evitar que as nossas mensagens sejam tratadas como SPAM.
      Siga também a nossa página nas redes sociais:
       Facebook    Twitter